Santo do Dia

<<  30/07/2018(2ª-FEIRA)  >>

São Leopoldo Mandic

Nasceu em Castelnuevo em 12 de maio de 1866 e foi batizado como Adeodato Mandic. Leopoldo era o 12° filho de uma grande família e muito pequeno em estatura e com saúde muito frágil, mas ele era grande em coisas que contam como humildade, serenidade e a habilidade de se colocar inteiramente a disposição de Cristo. Ele tornou-se aspirante a ordem dos Capuchinhos, em Udine ,um noviço em 1884, estudou em Pádua e Veneza, e foi ordenado padre em 1890, quando tomou o nome de Leopoldo. Embora ele sonhasse ser um missionário na Europa Oriental ele continuou a trabalhar e viveu em Pádua for 40 anos . Tendo sido criado em uma região de etnia diversa e diversos grupos religiosos, ele sonhava em trabalhar para restaurar a unidade da Igreja. Como São João Vianney, o famoso Cura d`Ars, Leopoldo tinha o carisma especial e a habilidade de ler a mente e corações. Ele era tão habilidoso como confessor e como conselheiro espiritual e passava tanto tempo no confessionário, que ele se descrevia como um pássaro na gaiola. O Cardeal Larraona escreveu em 1962 um decreto com relação a beatificação de Leopoldo que dizia : Este era a sua rotina diária : após dizer a missa bem cedo de manhã ele sentava-se no confessionário e ficava ali por todo o dia a ouvir longas confissões .Ele fazia isso por 40 anos sem nunca se queixar. Ele tornou-se santo principalmente por trazer a paz e o perdão. Sua vida lembra aos padres a importância do Sacramento da Reconciliação, o seu bem incomparável e o a poderosa ajuda da penitencia. Ele morreu em Pádua em 31 de julho de 1942, foi beatificado pelo Papa Paulo VI em 1976 e canonizado em 1983 pelo Papa João Paulo II. A canonização de Leopoldo foi acelerada . As leis canônicas requerem que 50 anos se passem após a morte do candidato, antes que a beatificação venha a ser considerada, mas a santidade de Leopoldo era tão obvia que, em apenas 30 anos ele era beatificado. É um exemplo típico do bom senso da fé, prevalecendo sobre as leis canônicas. Sua festa é celebrada no dia 30 de julho.